Quase Fui Assaltada Na Porta de Casa


Sem Rock ON… tô péssima.

Quase fui assaltada na porta de casa quando cheguei do IFSP.  Saíram 5 caras de um carro e tentaram me render. Fiz aquilo que a polícia diz para não fazer: eu reagi e corri gritando para chamarem a polícia. Consegui correr para casa do meu primo, joguei minhas coisas pelo muro dele, abri o portao e me escondi lá.
Meu primo e a namorada dele vieram me acudir, ele gritou, minha mae e minha tia tbm saíram gritando e os caras fugiram, ou seja, não estavam armados. Era um assalto de oportunidade. Usei meus 50% de chance e sobrevivi, com todas as minhas coisas. Podia ter entregue tudo, ter sido enfiada num carro e levado para saques também.
Ou se estivessem armados e eu entregue tudo, podia estar com uma bala na cabeça, ou ter uma bala nas costas por ter corrido. Optei por correr. Não veio bala alguma, mas eles, esses malditos, que se vestiam como funkeiros, sim, os malditos estavam bem trajados, com aquelas roupas de lojas de shoppings, típicas do pessoal que curte essa música e vieram até em casa para tentar me encurralar. Vem falar de preconceito agora, quero realmente que todos os bandidos morram.
Que a Rota mate todos os bandidos possíveis, aqueles merdas do Carandiru, que ardam no inferno todos eles. CadÊ os direitos humanos agora para me acudir, me dar um copo de água, me ajudar psicologicamente? Cadê? E cadê a polícia, que chamamos logo em seguida ao fato e que sequer passou por aqui?
Apenas religaram para confirmar se não era um trote. Sendo que pelo meu caminho, vi umas 5 viaturas paradas, uma delas, inclusive, tirando-nos das ruas mais dois marginais. Quero meu direito de portar uma arma e atirar em qualquer filho duma puta que venha me dar voz de assalto. Mas eu não posso fazer isso, porque afinal de contas, eles têm mais direitos do que eu, que ralo todo dia num trampo para lá de estranho, que estudo, que pago as contas, que vivo no vermelho.
Para eles, tem bolsa isso, auxílio aquilo, benefícios e mais benefícios. Eu cansei. Cansei desse país de merda, onde vivemos pior que no Velho Oeste americano. Eu corri, me esfolei, larguei meu carro aberto, não levaram nada, pq além de ladrões miseráveis, também foram burros para não reparar o carro aberto e espertos o suficiente para correrem. Não sei como será o dia de amanhã, se vou dormir esta noite, se a polícia virá.
Mas sei que já cansei dessa sociedade hipócrita que glorifica esses bandidos e mantém refém o trabalhador. Mexeram com a pessoa errada dessa vez.
Essa é a cara do bandido que anunciou o assalto. Se o virem, chamem a polícia, fiquem longe dele! Zona Leste de SP, Bairro de Vila Esperança, Penha.

Essa é a cara do bandido que anunciou o assalto. Se o virem, chamem a polícia, fiquem longe dele! Zona Leste de SP, Bairro de Vila Esperança, Penha.

Nota: Os 5 bandidos eram todos altos e magros, pareciam moleques, com menos de 18 anos.
Update 01:34.

A polícia passou aqui 1:30 depois do fato [00:30], pegou a descrição do carro dos bandidos e destes também e disse que faria uma ronda. Tomara que encontrem e se assim o fizerem, vou depor contra eles. Faço questão.

Não sei o que pensar a respeito agora. Será que devo ficar com medo deles voltarem? Meu primo acha que não voltam. Amanhã vou falar com minha vizinha da frente, porque a filha dela também chega tarde da faculdade. A câmera do depósito e do vizinho que deixa o carro torto devem ter pego algo também, mas eles com certeza não vão dar as imagens e acho que pouco adianta.

Pior que esse tipo de coisa vem acontecer justamente na semana da Expomusic, que é o evento que eu aguardo o ano todo. Foda…

Meu braço ralado está me incomodando. Já joguei álcool para desinfetar, mas sinto que ele está bem quente, então, acho que não deu certo.

Eu poderia virar a garrafa de vinho que ganhei. Seria uma ótima oportunidade para ficar em coma alcoólico e dormir. Mas qual a graça de deixar meu sistema imunológico desviado da possível infecção no braço ralado? Melhor não. Vou ficar aqui, pelo visto, remoendo tudo o que passou.

Queria dormir, mas a qualquer barulhinho diferente, já penso que são os moleques malditos, esses bandidos.
Merd…

¬¬

About Priss Guerrero

Ilustradora e redatora do Rock Me ON. Aceito encomendas para ilustrações e tratamento de imagens. Contato: @prissguerrero1
This entry was posted in Conversa Fiada and tagged , , , , , , , , , , . Bookmark the permalink.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s